À conversa com… Carlos Miguel, Motorista da Alliance Healthcare

  1. O que mudou no seu trabalho, na Alliance Healthcare, com a pandemia?

Com a chegada desta pandemia mudaram algumas rotinas no trabalho, nomeadamente, e logo desde início, a utilização obrigatória de meios de proteção individual, como mascaras, luva e desinfetante, e a diminuição do número de entregas diárias às farmácias.

  1. Foi rápido adaptar-se às mudanças?

Sim, adaptei-me rapidamente e com alguma facilidade às mudanças impostas. Penso que há uma grande consciencialização por parte de todos nós na adoção de medidas preventivas eficazes, afinal todos temos família e local de trabalho.

  1. Sentiu apoio da parte das farmácias para conseguir manter os procedimentos de segurança?

As farmácias foram também implementando medidas preventivas, nomeadamente em relação à receção de encomendas. Há farmácias que, por terem um espaço físico exterior apropriado, nos pedem para lá descarregarmos as caixas das encomendas de modo a que possam proceder à sua desinfeção antes de entrarem no interior da farmácia. Outras, pedem-nos que seja feita por nós a validação da receção das encomendas no nosso dispositivo portátil PDA, para que haja diminuição nos contactos.

  1. Há medidas que acha que chegaram para ficar?

Sim, por exemplo, as medidas de desinfeção e as atividades de menor contacto social irão permanecer por uns bons tempos.

  1. A sua equipa mudou os hábitos de trabalho por causa da pandemia. Que medidas/hábitos gostaria que regressassem rapidamente?

Gostaria de deixar de utilizar a máscara para conseguirmos perceber as emoções dos colegas e podermos almoçar juntos.

Panel Heading

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit, sed do eiusmod tempor incididunt ut labore et dolore magna aliqua. Ut enim ad minim veniam, quis nostrud exercitation ullamco laboris nisi ut aliquip ex ea commodo consequat. Duis aute irure dolor in reprehenderit in voluptate velit esse cillum dolore eu fugiat nulla pariatur. Excepteur sint occaecat cupidatat non proident, sunt in culpa qui.